30 de julho de 2009

Prioridades

História de uma linda menina de 2 anos.
A mãe sai para trabalhar as 7 da matina e só volta as 20:30.
O pai chega mais tarde ainda.
A menina fica com a babá de manhã e a tarde vai para creche e volta novamente com a babá.
A noite a menina espera anciosa pela mãe, pois afinal passou o dia sem ela.
A mãe chega cansada, exausta e não tem paciencia para os choros e manhas.
Um jeito da menina dizer: "Ei! Me dá mais atenção!"
Tem dias que não vê o pai.
Assim é a semana.
Nos finais de semana: "Mãe e filha não se entendem" palavras do pai.
Em janeiro os pais vão tirar férias.
A filha não. Irá para creche período integral. Os pais querem descansar....
Ouvi isso em uma manhã na pracinha.

Agora pergunto: Para quê tem filho?
Até quando as pessoas vão negligenciar as crianças?
Se não tem "tempo"então compre um cacto. Ele sobrevive sem água durante muito tempo.
Uma criança adoece por dentro se fica sem amor e atenção dos pais.
E as cicatrizes ficam.
Agora se quer muito ter filhos se sacrifique.
Ser pai e mãe é isso. Sacrificar, abrir mão de muitas coisas.
Se trabalha arranje tempo. Se trabalha muito diminua o ritmo.
Se não tá preparado, se não aceita isso, por favor não tenha filhos agora.
Hoje em dia não tem desculpa para não planejar uma gravidez.
Uma criança nunca merece ser a segunda prioridade dos pais.

0 comentários:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Premium Wordpress Themes