23 de outubro de 2010

Uma janela antecipada

Um segundo e lá se foi o dente.
Enquanto estava na reunião de pais ontem, Lucas brincava no pátio da escola com o seu melhor amiguinho de sala e outras crianças.
Eu ouvia elogios sobre o filhote quando entra o pai do melhor amigo desesperado com o Lucas no colo e um dente dele na mão.

Corro com ele para o banheiro para lavar suas mãos e rosto encharcados de sangue, professora corre para pegar gelo, diretora corre para telefonar, psicologa corre para dar alento e mães com cara de desespero.
E todos pensando a onde levar pois já se passava das 9 da noite.

Até que o anjo da guarda apareceu.
Aquelas pessoas na qual já falei que são anjos sem asa na terra.
Uma mãe de uma aluna que é dentista voltou para escola para examinar ele.
Olhou e perguntou: Cadê o dente? Acharam?
Aí que lembrei! Tava na minha boca, embaixo da lingua.
Não sou louca. Para quem não sabe se o dente cai inteiro, coloca no soro, no leite ou embaixo da lingua para mantê-lo hidratado e corre para o dentista.

Só não sei como não engoli o dente.


A dentista ligou para uma odontopediatra e juntas deram o parecer.
Fiz certo mantendo o dentinho alojado mas com dente de leite as chances de conseguir implantar são minimas e pode afetar o dente definitivo.

Além do que é muito sofrimento para uma tentativa de chance quase zero.
Isso já bastou para minha decisão. O dente fica de lembraça.
Como já tem 4 anos e meio, isso não irá atrapalhar no aprendizado da fala então o mais sensato é esperar vir o definitivo.
Após cicatrizar deve-se examinar novamente, tirar um rx se necessário para saber se ouve mais danos.


A importância de achar o dente?
Sabemos que ele saiu inteiro e não afundou tendo que fazer uma cirurgia, canal, etc.
Pois é, poderia ter sido pior.

Deixamos então a escola com todos admirados por ele ser tão bozinhos numa hora de pânico e eu por manter a calma.
Chorou claro ao cair, mas logo se acalmou e deixou colocar gelo, ser examinado.


Aí quem chega? A culpa claro!

Começa o "E SE".
E seu tivesse saido mais cedo da reunião.
E se não tivesse ido a reunião, etc, etc, etc"


Mas por que caiu?
Porque estava se divertindo, correndo com o amigo, rindo, feliz.
E isso é uma coisa ruim?
Não, isso é ser criança.
Faço questão de que meu filho não viva cercado de cuidados em excesso.
Sempre deixei explorar livre, tentar, testar limites.
Já reparou o sorriso de satisfação quando um homem conta: " Eu aprontei muito quando criança, fui moleque, deixava minha mãe desesperada" ?
Esses souberam aproveitar o seu estado de criança ao máximo.
Geralmente mostram cicatrizes pelo corpo como se fossem troféus.

Assim quero que o meu menino seja.
E não alguém que calcule cada passo dado, se sentindo inseguro para tentar o novo.
E principalmente aprenda a se conhecer, não se abatendo por cada pancada da vida.
Mesmo que me custe uma taquicardia e cabelos brancos.

Tá certo que antes as crianças caiam do alto do pé de jamelão, como o meu marido e hoje caem no chão de cimento da cidade.

Mas ainda sim são crianças.

Vão cair, se machucar, chorar e depois vai voltar a brincar.
Não é assim a vida?

Não quero dizer que é fácil.

Além do dente que caiu, o seu vizinho está mole na expectativa se vai cair também ou não, sua gengiva está muito machucada, a parte interna do lábio com um corte profundo.
Por fora está inchado mas por dentro está muito pior.
Meu coração na hora parou, aparentava uma certa calma mas por dentro eu era um tornado tentando me controlar. A minha adrelanina só baixou às 4 da manhã.
Passei a noite toda colocando gelo tentando estancar o sangue.

Quero uma ajuda de vocês.
Conhecem algum livro infantil que fale sobre a perda de um dente?
Quero ajudar a ele se acostumar ficar sem o dente por um bom tempo, pois nesse caso foi uma saida forçada. Irá demorar nascer o definitivo.

Mesmo assim ele já descobriu que pode-se tirar proveito quando coisas ruins acontecem.
Está tomando sorvete o dia todo, recebendo muito dengo e mimos.
E já está pendindo para andar de bicicleta.
Crianças são assim.

20 comentários:

Paty Fortunato disse...

Ai tadinho do Lucas.
Mais ele foi tão bonzinho hein amiga?
E vc, meus parabéns, queria ter essa calma nessas horas, mais acabo assustando ainda mais meu filho com meu desespero aff!!
Amiga,seus posts são tão gostosos de ler, confesso q mtas vezes tenho preguiça de ler alguns bloguinhos quando texto é longo, mais o seu não,juro!
Vc escreve mto bem,tem uma capacidade incrível de tornar o blog muito atrativo, interessante...eu adoro!
É um dos meus fvoritos,acho q já te falei isso mtas vezes rs...

Ah, não sei do livro,mais espero q outra mamãe possa ajudar.
E posta fotinha da janelinha quando puder rs...

Bom fds, Beijocas!

Claudia disse...

Ana querida
Li rapido sem perder um detalhe e aflita para saber como termina esta nova janelinha.
Vou procurar por um livro e se achar te falo.
Penso como vc, tbe nao privo o Gabriel de brincar...ele vive ralado e nao pára um minuto (nem agora com catapora...).
Manda um super beijo pro Lucas e pra vc tbe.
O livro que vc esta lendo é muito lindo.
Um otimo findi

http://blogdaclauo.blogspot.com/

Di disse...

Flor, do procurando aqui mas não achei nenhum livro que fale da questão da perda do dente... Mas uma lembrança muito querida que eu tenho da minha infancia é dessa questão de perder o dente... Meus pais falaram pra gente da fada do dente, que ela vinha de noite, quando a criança estava dormindo, e se deixacemos o dente que caiu pra ela levar, ela deixava um brinquedo pra gente. Lembro que, como tinha uma irmã mais velha com quem aconteceu isso, eu passei um bom tempo esperando a minha vez, super ansiosa. então, vale a pena fazer esse jogo com ele, foi uma fantasia bacana que se desfez sozinha poucos anos depois.
Ah sim, meus pais deixaram claro que a fada so fazia isso no primeiro dente. rs
Boa sorte!

Cynthia Santos disse...

Ai, jesuis!
CAda história que você conta dos machucadinhos dele na escola me deixa com menos vontade de mandar o Arthur pra escolinha...será que podemos mandar depois de virar homem??! Brincadeiras a parte, fico feliz de você reagir assim às situações de alto estresse, só assim podemos mesmo ajudar os filhotes (e às vezes, os pais) e conseguir terminar tudo tranquilamente (ou quase, sei como é essa tal adrenalina...ehehehe)
Quanto ao livro, vou ficar te devendo, mesmo porque a fase de troca dos dentes não foi das mais tranquilas pra mim...cacei no skoob , virei do avesso e nada...acho que o ideal é deixar que tudo role naturalmente...e se preciso for, pedir às tias para orientarem os coleguinhas, pra que na escola também role tudo naturalmente... beijo grande, e descansa, viu?

Kcal disse...

Garota, que susto em! Dor no coração! Mas eu concordo contigo, criança tem que brincar mesmo. Claro que a gente tem que estar sempre por perto e orientando, mas nunca super protegendo. Você foi ótima, parabéns! Depois me passa um pouquinho dessa tua coragem, pq eu paraliso.
Essa carinha dele foi muito boa! dá mesmo vontade de mimar bastante em.Bjoxxxx de xilocaína. *rsss

Aninha disse...

Xara, tadinho! bom, ficamos com pena, mas ele está bem isto que importa! Como diria Drummond:
"A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do sofrimento, perdemos também a felicidade."

Isto que queremos pros nossos filhos: vida!
bjs no Lucas!! e que logo logo o dentinho definitivo apareça.. :)

Lua Ugalde disse...

Oi Ana!que susto hein...Olha, eu não sei se conseguiria manter a calma diante de algo assim...rsrsrs
Mas concordo que não podemos prender nossos filhos, por medo deles se machucarem. Sem machucados não há vida, nem historias para contar!
Tomara que a boca melhore logo! bjos!

Carol Garcia disse...

hahahahaha
a gente é que sofre!

nossa! não sabia essa do embaixo da língua!

melhoras pro pequeno

bjo

Alê disse...

Morri... morri... rs rs Que susto amiga!!! Mas eu acho que faz parte da maternidade viver aos sustos...rsrsrsrs Que bom que ficou tudo bem...

Lia disse...

É, Ana, concordo com você: não dá pra proteger sempre, até porque não seria bom pra ele. Dói no coração, mas graças a Deus não foi nada grave, que vai deixar sequelas e tal. Beijos!

Lia disse...

É, Ana, concordo com você: não dá pra proteger sempre, até porque não seria bom pra ele. Dói no coração, mas graças a Deus não foi nada grave, que vai deixar sequelas e tal. Beijos!

Chris Ferreira disse...

Oi Ana,
morria e não sabia essa de guardar o dente embaixo da língua.

Não se culpa não. Eu sei que mãe é assim mesmo, sempre carrega uma culpa. Se tivesse saído mais cedo estaria se culpando de não estar participando da reunião. Eu sei, sou assim tb.

Ah, quero ver a foto.
beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com/

Chris Ferreira disse...

Oi Ana,
morria e não sabia essa de guardar o dente embaixo da língua.

Não se culpa não. Eu sei que mãe é assim mesmo, sempre carrega uma culpa. Se tivesse saído mais cedo estaria se culpando de não estar participando da reunião. Eu sei, sou assim tb.

Ah, quero ver a foto.
beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com/

Mi Satake disse...

OiAna td bem!
Nossa passei por uma historia parecida com minha filha... pulando e brincando bateu o pprio joelho na boca e perdeu o dente. Aorte é que ja estava perto de trocá-lo... mas quqse morri de susto rs.
E ele já está bem?

Olha to com sorteio no meu blog, passa pra conhecer e participar!
Beijo

Paty Fortunato disse...

Amiga,

Tem selinho pra vc no meu blog.

Beijocas!

Micheli disse...

Oi!
Super forte esse garoto, hein? Ficou bem comportado apesar do ocorrido. Acho que ele se acostuma com a janelinha mais fácil que a mãe... As crianças são assim, nós adultos complicamos mais as coisas.
Você tem razão, criança tem de viver a infância da melhor maneira, curtir mesmo. E machucados fazem parte. Mas que deixa o coração de mãe super apertado deixa, não é mesmo?
Melhoras para ele, calma para você.
Beijos!

Mãe Mochileira,filho malinha.. disse...

Oi Ana...ah,mas vc é uma corajosaaaa,eu quero ser assim!rsrs..se eu visse meu pequeno com sangue,eu teria primeiro berrado feito uma louca e depois desmaiado..certeza...não,vc n é que ta errada,eu que sou pertubada mesmo,hehehe..
Não sabia essa de por o dente debaixo da lingua,adorei ficar sabendo!! valeu pela dica,de verdade! ;-)
è,é melhor esperar,como o definitivo ainda vai vir,nao vai compensar mesmo o sofrimento nao,amiga...
ele tb foi corajoso..é genético é??rsrsrs...
quanto ao livrinho,não conheço...tentei ir no google achar algo para te mostrar,mas achei foi o seu proprio post!!! hehehe..se achar algo eu te falo!
beijos,otimo feriado!

Ana disse...

Paty obrigada amiga!
Não gosto de fazer post muito grande por que sei que todas tem tempo corrido. Mas tá dificil de resumir. Kkkk

Clau esse livro é lindo mesmo. Terminei ele em lágrimas.
Estou a caça de outro. Rs

Di o único problema é que ele acha agora eu vai ganhar presente em todos os dentes. kkk

Cynthia se prepa mana! A chapa é quente! Alta emoções! Rs

Claudia beijo de xilocaina o Lucas que tava precisando mas eu preciso é de prozac. Vc tem? Rs

Xará! e viva o Drummond! E vida a vida!

Lua e que venha muitas histórias!

Carol é verdade. Doi mais ainda na gente...

Alê é não é? Quem não quer levar sustos melhor comprar um peixe! Kkkkk

Lia graças mesmo! E bola pra frente!

Chris acertou na mosca!
Se não fosse eu ficaria me achando mãe desnaturada...

Mi bota susto nisso!
Cai o dente e o nosso coração tb né? Bem-vinda!

Micheli é assim mesmo. Ele já está acostumando. Eu ainda não. Rs

Xará(Enzo) adorei essa do genetico. Mas olha, é só por fora viu? Por dentro eu tava tremendo. Rs

Obrigada a todas pelas forças positvas!

Beijos!

Tays Rocha disse...

Ana do céu, que susto! Ainda bem que não foi nada mais sério né? Ele tem a idade do Leo, e como não param nessa fase né? Também me cadastrei no projeto do Itaú e estou esperando os livrinhos chegarem. Beijocas.

Anônimo disse...

Il semble que vous soyez un expert dans ce domaine, vos remarques sont tres interessantes, merci.

- Daniel

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Premium Wordpress Themes